A perspectiva do cliente: dicas de quem acabou de alugar um imóvel novo


Tempo de Leitura: 5 minutos

Procurar um apartamento para alugar ou comprar deveria ser uma tarefa fácil para quem mora em uma cidade repleta de imobiliárias. Porém, pela 6ª vez, desde que saí da casa dos meus pais; eu precisei me mudar e passei por algumas situações complicadas que geraram experiências negativas.

A partir desta minha vivência, decidi listar 6 aspectos, do ponto de vista do cliente; que foram extremamente relevantes durante meu processo de busca por um apartamento. Preste atenção, pois talvez eu tenha feito uma visita à sua imobiliária e você, na correria do dia a dia, acabou cometendo algum destes erros.

Imóveis com apenas foto da fachada do prédio:

É realmente difícil encontrar imagens que representem o imóvel de forma apropriada e instiguem o cliente a querer visitá-lo. Enquanto pesquisava, alguns imóveis tinham apenas a foto do prédio, sendo que em muitos dava a entender que o apartamento ofertado tinha sacada; por exemplo, quando na realidade ele não tinha.

Tudo bem, o prédio era agradável, mas como vou saber como ele é por dentro? Será que não vai ser perda de tempo eu ir até a imobiliária para depois ir até o imóvel e ver que por dentro ele não é como eu gostaria?

São dúvidas que irão passar pela cabeça do seu cliente. Por isso, esse imóvel, sem fotos do interior, foi para o final da minha lista.

Preferência em um imóvel:

O imóvel que eu mais tinha gostado depois de algumas visitas estava em diversas imobiliárias da cidade. Os documentos já estavam sendo separados para serem assinados quando fui informada de que outra imobiliária convenceu a proprietária a alugar para outra pessoa.

Sei que nesse caso a culpa não é totalmente do(a) corretor(a) que me atendeu. Mas foi uma experiência ruim que mesmo inconscientemente me fez ficar com o “pé atrás” em relação àquela imobiliária.

Talvez nessa situação um relacionamento mais bem construído com o(a) proprietário(a) poderia ter impedido que a outra imobiliária o(a) convencesse.

Contato muito impessoal:

Tive experiências muitas distintas no mesmo dia que visitei alguns apartamentos. Em uma delas, a corretora, de uma imobiliária bem pequena, visitou o imóvel comigo.

Chegou no horário marcado, respondeu todas as minhas perguntas e, apesar de ter o meu contato, não insistiu na concretização do negócio quando eu disse que avisaria caso ficasse com o imóvel. No mesmo dia, em uma imobiliária tradicional da cidade, pedi as chaves de dois apartamentos que tinha visto no site e foi só o que recebi.

Nenhum atendimento de verdade, nenhum acompanhamento, sugestão ou preocupação se eu ia me tornar cliente deles ou não. Talvez por eu estar procurando locação de apartamento pequeno eu não tenha despertado interesse do(a) corretor(a), infelizmente um erro comum.

Todos os clientes devem ser valorizados e bem atendidos, afinal, no futuro é bem provável que eu venha a comprar um imóvel e/ou indicar os serviços da imobiliária para alguém.

Horários flexíveis:

A maioria das pessoas trabalha durante todo o dia e não pode simplesmente sair para ficar visitando imóveis, por isso, horários mais flexíveis são imprescindíveis para que seus clientes possam usar o intervalo do almoço ou poderem ir depois do trabalho até sua imobiliária.

Dados completos no seu site:

Não adianta ter um site se ele não possui todas as informações que seus clientes precisam saber. Vários que acessei não possuíam horário de atendimento ou contato, por exemplo. Isso dificulta a vida do cliente e, novamente, você está em último da minha lista.

Apresentação pessoal:

Se a sua imobiliária não possui uniforme, o que com certeza agrega valor à empresa, procure se vestir e se portar de acordo com a sua ocupação. Lidar com o público vendendo algo que é tão importante e de alto custo na vida das pessoas exige certo cuidado, com a forma como você se apresenta.

Seja profissional e pareça profissional para passar confiança ao seu cliente. Em uma das imobiliárias que visitei; o(a) corretor(a) estava mal vestido e falava muitas gírias enquanto tentava achar a chave do imóvel em meio a tanta desorganização.

Esse conjunto de “erros” já mudou minha percepção sobre a imobiliária. Gerando incerteza e desconfiança caso eu viesse a alugar com eles.

No final das contas, acabei alugando com a mesma imobiliária que eu já estava. Devido ao atendimento sempre impecável e a confiança que eu já possuo no serviço deles. E essa é a dica bônus: marketing de relacionamento. Manter uma boa relação com seus clientes é vital para a sua imobiliária. A lealdade deles significa a manutenção do negócio de vocês e/ou novos clientes que ele vier a indicar.  


Relacionados