Saiba como vender mais imóveis com um site imobiliário


Tempo de Leitura: 15 minutos

Quem nunca sentiu-se frustrado ao ver uma propaganda ou querer saber mais sobre um determinado negócio, recorrer ao Google e não encontrar nada na Web? Possuir um site imobiliário é essencial para que seus clientes não passem por isso.

Mas não basta apenas possuir um site imobiliário, é preciso torná-lo um bom site. Isso se torna ainda mais essencial em face às várias opções encontradas na internet.

Seu cliente irá decidir pelo site mais organizado e com informações de fácil acesso quando estiver procurando.

Sendo assim, embarque nesta leitura e saiba porque é importante ter um site imobiliário e como torná-lo o mais atrativo possível para seus futuros clientes.

Vale a pena utilizar um site imobiliário?

Se você continua na dúvida sobre a importância de ter um site para imobiliária, vamos falar um pouco mais sobre esse tema.

É no seu espaço próprio na internet que seus clientes atuais e potenciais podem saber tudo o que precisam sobre você. Além disso, nele você pode incluir um resumo da sua biografia profissional, serviços oferecidos e contatos.

Apesar de muito importantes, os perfis e páginas nas redes sociais são um complemento para você. É o site que deve ser o cartão de visita da sua imobiliária. Seu endereço deve se destacar e proporcionar uma experiência realmente positiva. É o seu site que vai transmitir a segurança e confiabilidade que seu cliente precisa.

Por que é importante ter um site imobiliário?

Ter um espaço para colocar seus imóveis à disposição de seus clientes e conversar com eles é indispensável.

Muito do sucesso de um negócio imobiliário está na forma como ele se apresenta – e é nesse contexto que pensamos no site imobiliário.

Ter um site imobiliário é algo que se tornou imprescindível no nosso mercado. Funcionando como o seu endereço na internet, o site deixou de ser um diferencial e tornou-se básico.

A web já faz parte do dia a dia das pessoas e está cada vez mais ligada aos nossos hábitos de consumo. E isso se reflete, obviamente, na compra e aluguel de imóveis.

Antes de irmos até uma imobiliária, visitamos páginas de diversas empresas. Além disso, entramos em portais de imóveis, pesquisamos imóveis por região, bairros, etc. Tudo na tentativa de facilitar o processo.

7 motivos para investir em um site imobiliário

Além de tudo isso, o site pode ser vantajoso por alguns outros motivos que vamos listar a seguir:

1 – Te coloca onde o público está

Hoje os hábitos de consumo das pessoas estão diretamente ligados a pesquisa online de preços. A internet se tornou parte essencial nas compras de imóveis.

Portais de imóveis são eficientes para uma primeira busca, mas é no site para imobiliária que o cliente vai poder ter mais informações e até conversar de maneira mais segura com o corretor de imóveis.

2 – Dá mais destaque aos seus imóveis

O uso de um site para imobiliária permite que você utilize diversos recursos. Fotos, depoimentos, vídeos e tour 360º são somente alguns dos exemplos que podem trazer resultados positivos para suas negociações.

Veja bem: as visitas aos imóveis ainda são relevantes. Contudo, um site bem construído pode economizar tempo nessas visitas e agilizar o processo de compra ou aluguel.

3 – Você aparece mais nos resultados de pesquisa do Google

Quando precisam de um imóvel e querem fazer a primeira busca pela internet, seus clientes vão utilizar o Google. Vão buscar características do imóvel que procuram ou mesmo uma imobiliária na cidade onde moram.

Por isso é fundamental que seu site esteja otimizado e pronto para aparecer na lista de resultados do Google.

Além de ações realizadas por você, algumas são de responsabilidade da empresa responsável pelo seu site. Certifique-se de que você tem um site responsivo e também que a velocidade de seu endereço na internet é boa.

4 – Transmite credibilidade e confiança

Hoje, a existência de um site oficial é um grande gerador de credibilidade para as empresas. O site transmite confiança naquela marca e aproxima o cliente da imobiliária.

Mas isso só vai acontecer se o seu site for o mais completo possível. Então, aproveite o seu endereço na internet para explorar as mais diversas formas de dar respaldo para o seu trabalho.

De forma geral, você vai querer que sua empresa pareça real – no mundo virtual. Algumas formas de aprimorar isso ainda mais são incluir imagens (tanto no seu site como no Google Meu Negócio), vídeos, depoimentos, etc.

5 – Capture mais leads com um site imobiliário

Ao oferecer opções para que seu público deixe um e-mail de contato ou converse com você, é possível captar leads.

Esses contatos podem ser utilizados para que você envie campanhas promocionais ou mesmo para que envie conteúdos que fidelizem seus clientes. Claro que, para isso, você precisará antes investir em inbound marketing.

Ebook Guia de Fidelização de clientes para imobiliárias

6 – Facilita a negociação com os clientes.

Imagine que um cliente se interessa por um imóvel e só vai poder saber qual o valor dele ao ir até sua imobiliária, pois você não divulga os valores no site.

Essa barreira além de atrasar o negócio, também faz com que o cliente vá procurar outras opções em sites concorrentes. Se essa dúvida é esclarecida via chat online, ele tende a se sentir bem atendido e continuar a negociação com você.

De forma geral, a escolha de quais informações colocar ou não em seu site ainda gera muito debate no mercado imobiliário. Vivemos no Brasil uma realidade onde o cliente nem sempre está disposto a negociar com um corretor de imóveis.

Nesse sentido, vale estudar o comportamento dos clientes na região onde você atua. Porém, algumas coisas devem ter uma influência positiva em todos os casos. Como exemplo, podemos tomar os detalhes sobre a infraestrutura do imóvel.

Oferecê-los vai agilizar o tempo da tirada de dúvidas e do alinhamento de interesses com o cliente. Isso vai envolver o tamanho do imóvel, quantidades de quartos, etc.

7 – Economia e visibilidade

A relação de custo-benefício para a criação de um site para imobiliária é bastante favorável. Com pouco dinheiro você irá melhorar – e muito, a visibilidade da sua empresa.

Claro que isso precisa estar associado a uma identidade visual e comunicacional fortes – o que vai demandar um investimento um pouco maior. Mas, de forma geral, você terá um retorno satisfatório.

Cuide do seu site imobiliário

Muitas vezes ocorre uma certa negligência por parte dos corretores de imóveis ou imobiliárias, que acabam dando menos atenção para seus sites. Isso por considerarem que eles não trazem o retorno que deveriam. É preciso ter em mente que as diferentes plataformas digitais possuem suas peculiaridades e trarão um retorno característico.

Contudo, é preciso prestar assistência ao seu site, não adianta apenas colocar ele no ar e esquece-lo. Quanto mais você utiliza as ferramentas disponíveis e complementa as informações, mais agradável se torna a sua ferramenta.

Como exemplo podemos citar: as cores que são escolhidas para seu site até os banners escolhidos para dar destaque aos seus imóveis. Tudo isso pode fazer o cliente escolher entre continuar na sua página ou ir em busca do concorrente.

Dê atenção aos imóveis

Outro ponto de suma importância é dar assistência aos seus imóveis. Coloque imagens de boa qualidade, videos, imagens da planta, adicione uma descrição interessante, deixando seu cliente com as informações que necessita para permanecer na sua página por mais tempo!

Cerca de 45% das pesquisas hoje são via mobile, portanto é importante ter um site que seja responsivo, que se adapte a todos os tamanhos de tela. Existem algumas ferramentas que podem ser utilizadas para monitorar os acessos de seu site, monitorar também de onde eles vem, etc.

Torne seu site imobiliário funcional

Até agora nós vimos questões que podem influenciar seu cliente diretamente, ou seja, características estéticas, porém não basta ser agradável aos olhos e não gerar conteúdo produtivo.

Conversando com algumas pessoas que já tiveram a experiência de utilizar sites de imobiliárias é fácil encontrar casos onde sentiram-se insatisfeitas com o que lhes foi apresentado.

Por exemplo, checar no site sobre um imóvel que desejava alugar mas não encontrar muita coisa. Ir até a imobiliária verificar o que eles tinham disponível e encontrou muito mais imóveis que no site.

Neste caso a pessoa foi até a imobiliária, mas poderia muito bem ter desistido após esta experiência ruim com o site imobiliário. Seu site é muito mais do que uma ferramenta, é sua porta de entrada para novos clientes e seu cartão de visitas.

O endereço online da sua empresa é onde as pessoas esperam encontrar seu negócio. Um site imobiliário deve transmitir credibilidade. Além disso, precisa passar profissionalismo e ser funcional. É preciso que seus imóveis sejam as peças de maior destaque dentro desse espaço.

Seja coerente com o conteúdo

Um excelente site imobiliário está alinhado com o restante da comunicação da sua empresa. Disponibiliza fotos e vídeos de qualidade para os clientes. Além de gerar interesse com textos atrativos e informativos. Seu cartão de visitas na internet precisa representar bem o seu negócio.

Além das questões estéticas citadas é de muita importância atentar-se às questões técnicas de seu site, desde a sua criação até a sua manutenção.

Atrelar um blog ao seu site e produzir conteúdo qualificado também vai ajudar a fazer com que seu endereço se torne uma importante fonte de informação para seus visitantes.

criação de blog imobiliário

Como criar um site imobiliário?

Acompanhe o passo a passo e crie o seu próprio site imobiliário de maneira rápida e fácil.

1 – Registrar o domínio

O primeiro passo para a criação de um site imobiliário é escolher e registrar o melhor domínio disponível em sites como registro.br e GoDaddy.

O domínio é o termo que vem logo após o “WWW”, normalmente representado pelo nome da imobiliária ou do corretor de imóveis.

Isso irá garantir que o seu site seja único na internet e que seus clientes consigam encontrá-lo sem dificuldades.

2 – Serviço de hospedagem

Com o domínio devidamente registrado, a próxima etapa é encontrar o serviço de hospedagem ideal para o seu site imobiliário.

A hospedagem atua basicamente no armazenamento de todos os arquivos e conteúdos que fazem parte da estrutura do site.

Para isso, existem algumas empresas especializadas e bem conhecidas no mercado como Hostgator e Locaweb.

3 – Criação do site e gestão de conteúdo

Sem dúvidas, a parte mais importante do passo a passo para criar um site imobiliário é a escolha da plataforma ideal de construção das páginas e gestão do conteúdo.

Em geral, os sites mais comuns da internet costumam ser desenvolvidos no popular sistema WordPress. De fato, é uma boa opção, considerando o grande número de adeptos ao redor do mundo.

No entanto, os sites desenvolvidos para imobiliárias e corretores de imóveis exigem uma série de recursos bem diferentes dos utilizados por outros sites mais simples.

Por exemplo, é imprescindível que o site imobiliário possua um sistema integrado de gestão de imóveis, onde seja possível cadastrar e editar diversas informações em tempo real.

Além disso, a integração com um CRM imobiliário completo também é indispensável. Seja uma imobiliária ou corretor de imóveis autônomo, você precisa coletar informações pertinentes sobre os seus clientes, emitir relatórios detalhados do seu negócio e mais uma série de funcionalidades que só um sistema imobiliário pode lhe oferecer.

Portanto, busque por plataformas como a Jetimob, que possam reunir todos esses recursos em um só lugar, facilitando a sua rotina e digitalizando toda a gestão do seu negócio imobiliário.

4 cuidados na hora de criar um site imobiliário

Escolha do domínio

O endereço de domínio do seu site imobiliário precisa ter coerência com todo o seu negócio. Busque definir nomes mais fáceis de lembrar e curtos para facilitar o acesso de seus cliente, sem perder a sintonia com a sua marca.

Estabeleça critérios para conseguir adaptar certos elementos de uma plataforma para a outra, mas sem perder a essência e deixando sua identidade visual identificável em qualquer que seja o espaço. Você pode registrar seu domínio a partir do Registro BR.

SEO: como otimizar

SEO é a sigla para definir Otimização para Mecanismos de Busca, em tradução livre. Ele baseia-se em várias técnicas adotadas para atender as necessidades dos buscadores como o Google.

Entre essas técnicas, existem algumas que são de responsabilidade da empresa responsável pelo seu site. Já outras você mesmo pode adotar para melhorar seus resultados.

Nós do Blog Jetimob preparamos um ebook sobre SEO que vai te mostrar como melhorar o posicionamento do seu site nas pesquisas do google.

ebook de seo da jetimob

Modelo de site vendedor

Pense estrategicamente na hora de decidir a aparência que seu site terá. A máxima popular que afirma que “menos é mais” pode ser aplicada no visual do seu site.

Afinal, você quer que seu cliente foque a atenção dele nos seus imóveis. Por isso é importante escolher um site ou sistema que oferece o design adequado para seu site.

Se você quer entender mais sobre o design do seu site, suas cores, etc. pode acessar nosso ebook “O guia definitivo do branding imobiliário”.

branding-marketing-imobiliário

Adaptável a qualquer dispositivo

É importante que seu cliente consiga acessar seu endereço de maneira satisfatória utilizando qualquer dispositivo.

Seja pelo celular, pelo tablet ou pelo computador. É imprescindível que seu negócio imobiliário esteja preparado para a realidade atual. Muitas vezes a busca pelo imóvel ideal vai começar no Smartphone de seu cliente e de lá, ele quer ver suas opções de imóveis e até mesmo interagir com você.

Corretor de imóveis autônomo deve investir em um site imobiliário?

Mesmo se você atua como corretor autônomo, é preciso que tenha um site próprio. Pense que esse investimento certamente trará bons frutos e negócios para você. Sem optar por essa ferramentas básicas, não há como você se destacar e ter condições de vencer a concorrência.

Existem planos básicos que dão para você condições de ter um site moderno e completo. Você precisa apenas avaliar o que melhor se adequa para suas necessidades e se encaixa no seu orçamento.

Com a concorrência no mercado imobiliário é imprescindível ter um site imobiliário. Quando seu cliente não se depara com nenhum resultado confiável quando coloca seu nome no Google, certamente você perde credibilidade.

Portanto, esteja certo(a) de que investir em um site imobiliário é um aspecto fundamental para impulsionar sua carreira.

Em que casos não vale a pena ter um site imobiliário?

Essa pergunta pode parecer uma pegadinha mas a verdade é que, em situações específicas, pode ser que o site não faça tanta diferença assim. Vamos falar sobre algumas que vem a mente:

Você está tendo dificuldades em gerenciar suas negociações

Se mesmo sem um site você já está tendo mais vendas ou aluguéis do que consegue gerenciar, talvez não seja o momento correto para investir na ferramenta.

Algumas outras atitudes podem se mostrar mais urgentes, como por exemplo:

  • otimizar com contato dos clientes através do Whatsapp Business;
  • melhorar a organização do seu negócio com ferramentas como o Google Agenda e um CRM imobiliário;
  • contratar mais funcionários;
  • entre outros fatores que podem possibilitar um maior número de vendas e aluguéis.

Você não terá condições de manter seu site imobiliário

Se você acredita que ou não terá tempo ou não terá dinheiro e pessoal para monitorar seu site, talvez seja melhor não fazê-lo.

Ter um site abandonado será pior para sua imobiliária do que não ter um site. Estude bem sua situação e aguarde o momento correto para o lançamento do seu endereço virtual.

O seu nicho de mercado é muito pequeno e específico

Por fim, se você mora em uma cidade muito pequena ou se atende um público muito específico talvez o site não seja a melhor solução.

Nesses casos, um relacionamento mais direto com os clientes pode ser muito mais relevante. Mais que isso, pode ser muito mais fácil e eficiente.

Algumas práticas online relacionadas a micro audiências podem ser de interesse especial se você se identificar com esse caso.

Aí novamente vai de você entender quem é o seu público e quais as melhores formas de se relacionar com ele.


Relacionados