Topo
CRM-imobiliário

Como saber se você está pronto para ter um CRM imobiliário

Quando você está começando seu negócio, no mercado imobiliário, pode se sentir tentado a usar planilhas para resolver todos os seus problemas. E a verdade é: elas vão te ajudar, e muito. Contudo, conforme sua empresa vai crescendo, fica cada vez mais difícil controlar suas planilhas. E é aí que entra o CRM imobiliário.

Neste post vamos falar sobre:

  • O que é um CRM?
  • Como um CRM imobiliário é diferente e quais suas vantagens?
  • Como saber se você está pronto para começar a usar um CRM imobiliário?
  • Como saber se não está pronto para usar um CRM imobiliário?

Mas o que é um CRM?

CRM é a sigla para Customer Relationship Manager, ou gerenciador de relacionamento com os clientes, em português. Esse tipo de sistema presta um serviço semelhante ao das planilhas, porém muito mais fácil, intuitivo e eficiente.

Se nas planilhas você tem de ficar monitorando as informações de forma manual, o CRM te entrega informações mais filtradas. Todas as informações que você precisar estarão mais a mão, o contato com os clientes é facilitado, etc.

Com um sistema adequado você controla melhor seus produtos e a relação com os seus clientes.

O que é um CRM imobiliário?

Um CRM imobiliário vai oferecer diversas funcionalidades que são muito mais que uma praticidade no dia a dia de uma imobiliária. São uma necessidade.

Do ponto de vista do(a) corretor(a) de imóveis, o CRM ajuda a entender melhor as necessidades dos clientes e qual imóveis melhor se adéqua a eles. Com maior controle sobre essas relações, o(a) corretor(a) consegue atender os clientes com mais atenção.

O CRM permite que ele tenha acesso à detalhes sobre os possíveis clientes e, assim, os atenda com mais especificidade. É um grande auxiliador na realização de um atendimento personalizado.

Já para o(a) gerente de uma imobiliária, o CRM possibilitará um melhor gerenciamento dos corretores, além de várias vantagens no dia a dia da imobiliária. O CRM ajuda a economizar tempo em várias frentes e possibilita um ambiente de crescimento constante em sua imobiliária.

Contudo, por mais que todos esses fatores pareçam interessantes, é preciso entender o momento que seu negócio imobiliário se encontra. Alguns fatores podem ser indicadores de que você não apenas está pronto para ter um CRM imobiliário, como também precisa de um.

Você está pronto para um CRM imobiliário?

Existem alguns perguntas que podem ser indicadoras de que você está pronto para usar um CRM imobiliário.

1. Está tendo dificuldade em armazenar informações?

A incapacidade de armazenar informações é o sinal do crescimento da sua imobiliária. Quanto mais ela crescer, mais dados de imóveis e de clientes você terá de guardar e mais difícil será mantê-los em uma planilha.

Sua planilha ganhará páginas e mais páginas e toda vez que você precisar acessar informações sobre algum cliente ou imóvel encontrará grande dificuldade.

No CRM você consegue adicionar e remover imóveis com facilidade. Isso permite que você tenha acesso fácil à suas informações sempre que precisar.

Também é possível selecionar se você deseja colocá-los em seu site ou em um portal imobiliário.

2. Você não pode contratar mais funcionários?

Quase todos esses sinais estão intimamente ligados ao crescimento da sua imobiliária. Contudo, ainda que esse crescimento traga cada vez mais responsabilidades, não significa que você conseguirá contratar mais pessoas, imediatamente.

O CRM imobiliário é uma ótima forma de equilibrar essas responsabilidades. Responsabilidades que envolvem, assim como no item anterior, a organização das suas informações – que, se estivessem em planilhas, iam demandar cada vez mais pessoas para o controle.

O CRM imobiliário facilita esse controle e diminui o número de pessoas necessárias – nesse momento, ao menos.

Além disso, seus corretores gastarão menos tempo. Seja estudando o cliente, os imóveis ou até mesmo organizando visitas. Tudo isso acaba acontecendo de forma mais rápida, possibilitando que um corretor execute mais atividades em um mesmo período de tempo.

3. Dificuldades nos canais de comunicação com os clientes?

Quanto maior sua imobiliária, mais necessário se fará um canal de comunicação eficiente, especialmente entre o gestor e os corretores.

O CRM também é um grande aliado no estabelecimento desse canal.

Através do CRM imobiliário, os corretores conseguem criar relatórios de suas atividades, que podem ser monitorados pelo gestor – ou por quem mais o gestor decidir ceder acesso às informações. Assim, fica mais fácil acompanhar a realização de atividades e cobrar demandas.

4. Você precisa melhorar o contato com os clientes?

O contato com os clientes também se aprimora. Não apenas por fatores que citamos anteriormente, como a facilidade de monitoração do funil de vendas, como também pela possibilidade de integrar o sistema com o Whatsapp e com portais imobiliários.

Dessa forma, o contato com os clientes fica condensado em apenas um lugar, de fácil acesso. Além disso, o contato dos clientes deixa de ficar apenas nas mãos dos corretores, e fica no sistema da imobiliária mesmo que o corretor saia da empresa.

5. Você precisa melhorar seu processo de vendas?

Com um CRM imobiliário, você consegue monitorar o seu funil de vendas com muito mais eficiência.

Através do sistema, você observa quem são seus principais leads (clientes em potencial) e em que momento da compra eles se encontram. Isso ajuda você a sistematizar e otimizar o seu método de vendas/aluguel.

Esse acompanhamento também fica mais facilmente relacionado com os seus imóveis. Dessa forma, é possível enviar seleções de imóveis que se encaixam nas necessidades dos seus clientes. Mais do que isso, é possível enviar imóveis que se encaixam no momento do processo de vendas em que eles se encontram.

Otimizando seu processo de vendas, você otimiza suas vendas/aluguéis. Ou seja, com a otimização correta, você vende/aluga mais.

Como saber se você não está pronto para usar um CRM imobiliário?

Bem, como no tópico anterior citamos fatores que indicam que você está pronto para usar um CRM imobiliário, agora vamos pensar o contrário.

Da falta de maturidade do seu negócio à questões financeiras. Veja alguns perguntas que podem significar que você deve esperar mais um pouco antes de assinar um CRM imobiliário.

1. Sua imobiliária está começando e você ainda não possui muitos clientes –  nem imóveis?

Se você está apenas começando o seu negócio imobiliário – e não tem muita experiência no mercado, é muito provável que você ainda não possua muitos clientes. Mais do que isso, é provável que você ainda tenha poucos imóveis.

Nesse caso, contratar um CRM imobiliário pode ser dar um passo maior que a perna.

Foque o começo do seu negócio na construção de uma marca sólida para sua imobiliária. Pense bem em nome, invista em uma marca, cores adequadas. É muito importante, especialmente com a concorrência do mercado, construir um branding forte para sua imobiliária.

CRM-imobiliário

Além disso, e ainda mais importante, construa relacionamentos, ganhe clientela e se associe a muitos proprietários. Conforme seu negócio for crescendo, você verá que a necessidade de um CRM imobiliário surgirá. Então, seu negócio estará muito mais maduro e pronto para o sistema.

2. Você não tem certeza se seu negócio seguirá em frente?

Essa é, de certa forma, uma consequência da anterior.

No início do seu negócio, é muito provável que seu retorno financeiro seja instável. Mais do que isso, você pode não ter, ainda, muita perspectiva da direção da qual sua imobiliária está indo.

Nesse caso, vale a pena refletir sobre a necessidade do CRM imobiliário. Pense se a quantidade de clientes e o retorno financeiro compensarão o investimento mensal. Se a resposta for negativa, vale a pena investir seu tempo e dinheiro em problemas mais urgentes.

Invista no seu aprimoramento pessoal e dos seus associados. Invista na construção da sua marca, na organização financeira da sua empresa, etc.

Em alguns casos, o CRM imobiliário pode ser exatamente o que falta para que o seu negócio se estabilize. Nesse caso, avalie os itens anteriores ou, ainda, estude as imobiliárias concorrentes e veja como elas agem.

Benchmarking imobiliario

3. Você ainda não possui muito conhecimento sobre o mercado imobiliário?

Novamente consideramos a possibilidade de você não ter muita experiência no mercado imobiliário. Se esse for o caso, procure conhecer mais sobre o mercado – tanto na prática como na teoria. O que você aprende no seu CRECI é sim importante e valioso, mas hoje é essencial entender mais que isso.

É importante entender muito bem táticas de venda, formas de se organizar, de ganhar dinheiro, etc. É importante conhecer termos e métodos da administração também.

Em resumo: mais vale você investir no seu aprimoramento pessoal, em um primeiro momento, e somente investir em um CRM imobiliário quando estiver mais preparado.

A prática também vai te ajudar a aprender muitas coisas, é claro. Contudo, em um primeiro momento, como falamos nos itens anteriores, o CRM imobiliário pode não ser tão necessário à prática da corretagem.

4. Você tem dificuldades em se adaptar/ainda não conseguiu se adaptar ao digital?

Um conhecimento teórico e prático que você precisará aprender diz respeito ao posicionamento online da sua imobiliária. O digital hoje possui um peso enorme nas vendas de imóveis e no estabelecimento da sua imobiliária no mercado.

Nesse sentido, a importância de um bom posicionamento online se mostra óbvia.

CRM-imobiliário

Contudo, se você está há muito tempo no mercado imobiliário ou, ainda, se você possui pouca experiência, mas ainda não se dá muito bem com o meio digital, talvez você devesse fazer disso uma prioridade.

É essencial que você consiga entender o básico do virtual e de como o mercado imobiliário funciona com ele. Só assim você conseguirá se adaptar, e adaptar o seu negócio a uma rotina que inclua um CRM imobiliário.

5. Você está acomodado no mercado imobiliário?

Essa pergunta pode soar ameaçadora, mas ela pode ter dois significados. Seus objetivos, obviamente, podem variar de acordo com sua agenda pessoal. Em alguns casos, estar acomodado é exatamente o objetivo. Você pode acreditar que sua imobiliária está boa o suficiente para os seus objetivos.

Nesse caso, dependendo do tamanho dela, um CRM imobiliário pode ser necessário e valer a pena. Por outro lado, se você fizer poucos negócios talvez ele não seja vantajoso.

Contudo, se você tem ambição de crescer, mas não está fazendo muito para alcançar isso, então falamos da conotação negativa da pergunta. Se você não se dedicar à sua empresa, não buscar novos conhecimentos e novas formas de se aprimorar, não pode esperar que um CRM faça milagres por você.

Estudar mais sobre o mercado, ver vídeos de cases de sucesso ou até buscar aconselhamento de coachs podem ser boas formas de contornar essa situação.

Então, você está pronto para usar um CRM imobiliário?

Lendo essas perguntas e respondendo elas para si mesmo, você certamente tem uma ideia melhor sobre como responder essa última pergunta. O mais provável é que, mais cedo ou mais tarde, você irá usar um CRM imobiliário – mas é ideal que você dê um passo de cada vez.

Analise o que é mais importante para o seu negócio, isso deve ser resolvido primeiro. Quando você estiver pronto, o CRM certamente ajudará, e muito, o seu negócio, te levando ainda mais longe no mercado imobiliário.

Teste por 14 dias o CRMimobiliário jetimob

[Total: 11    Média: 4.9/5]