Conteúdos para blog imobiliário: que direção seguir para envolver o seu público


Tempo de Leitura: 7 minutos
Um blog imobiliário pode ser um grande aliado na obtenção de leads para sua imobiliária. Portanto, nesse post, vamos falar sobre como selecionar conteúdos que atraiam o seu público alvo. Primeiro podemos falar sobre o blog imobiliário em si. Como criá-lo do ponto de vista técnica? Como ele se encaixa nas suas estratégias de marketing?

O blog imobiliário

Você pode achar que é fácil criar e manter um blog e isso não está nem certo nem errado. Ele certamente é uma das formas mais “fáceis” de se obter leads qualificados. Contudo, ao mesmo tempo, é preciso dedicação e muito trabalho duro para que ele tenha sucesso. Tudo vai começar na parte técnica que por si só poderá, ou não, dar bastante trabalho. Você vai precisar entender tudo sobre domínio, hospedagem, CMS, etc. Ou ao menos contratar alguém que entenda. Claro que essa não é a única opção. Alguns CRM’s oferecem um blog imobiliário integrado que é de fácil usabilidade. De qualquer forma, construir um blog tecnicamente perfeito não é o suficiente.

Frequência é a chave do sucesso

Para se manter relevante e conseguir bons resultados de SEO, seu blog precisa ser atualizado com o mínimo de frequência. Isso tem mais valor do ponto de vista dos seus leitores, pois demonstra dedicação e dá credibilidade ao seu blog imobiliário. Em ambos os casos, apenas resultados positivos. Contudo não se esqueça que os conteúdos não são infinitos. É importante postar com frequência, mas não exagerar. O importante é focar em produzir um conteúdo de qualidade, com boas palavras chaves, boa legibilidade e um bom SEO de forma geral. Esse “bom SEO” inclusive vai exigir que você faça parcerias, backlinks, etc.

Mas Wagner, que conteúdos devo criar?

A resposta para essa pergunta é muito mais complexa do que pode parecer. A verdade é que você poderia atrair a atenção de qualquer pessoa para o seu blog, mas você não vai querer isso. O que você quer de verdade é atrair seu público alvo. O blog imobiliário deve ser apenas um passo em um planejamento de inbound marketing que deve envolver outras fases. Nós falamos sobre essas fases aqui no nosso blog diversas vezes, assim como no nosso e-book sobre posicionamento online no mercado imobiliário. Vou deixar o link do e-book aqui para você dar uma olhada, já que o inbound marketing em si foge um pouco do escopo desse post. CTA-posicionamento-online Nesse sentido, um elemento importantíssimo no seu planejamento, e que afeta diretamente a produção de conteúdo, é a persona. Você já deve estar cansado de ouvir falar sobre o que é a persona. Porém, caso você ainda não saiba o que é, como criá-la e aplicá-la, você pode entender melhor no vídeo abaixo. https://www.youtube.com/watch?v=EybFiNH8l-8

O seu blog imobiliário precisa se comunicar com sua persona

Se você tiver personas bem definidas, o processo de produção de conteúdo é simplificado. Mas isso vai variar de acordo com o tipo de imobiliária que você é. Para explicar melhor, eu trouxe um exemplo.

Exemplo 1 - Imobiliária “sem um público específico”

Vou começar lembrando que esse é um exemplo completamente fictício e todos os fatos são apresentados apenas com propósitos didáticos. exemplo-blog-imobiliária Primeiro vamos deixar uma coisa clara: não existe isso de não ter um público específico. O que você pode ter é muitos públicos. E esse é o caso da imobiliária desse exemplo. A “X Imóveis” possui uma variedade muito grande de clientes. Atende desde estudantes até aposentados, passando por militares, professores, advogados, etc. É tentador dizer que ela não possui um público específico, mas isso provavelmente não é verdade. Quando paramos para analisar os aluguéis da “X”, constatamos que estudantes e professores são as pessoas que aparecem com mais frequência.

Definindo a comunicação externa

Isso não quer dizer que a imobiliária vá mandar embora quem não se encaixar nesses dois grupos. Porém, entendemos que esse é o público principal. Portanto, a comunicação externa da “X imóveis” tem muito a ganhar se focar nesses dois públicos. Isso porque esse “tipo de pessoa” já se sente normalmente atraído pela imobiliária. Entender o porque disso é valioso e para isso você terá que executar uma pesquisa. Essa pesquisa pode ser contratada ou executada dentro da sua própria base de clientes. Você precisa entender porque aquelas pessoas se sentem atraídas pela sua imobiliária. Vamos imaginar que a facilidade na garantia locatícia é o que atraiu essas pessoas. Seguindo nosso exemplo e imaginando o resultado da pesquisa, chegamos as personas da “X imóveis”. exemplo-persona-1-blog-imobiliáriaexemplo-persona-2-blog-imobiliária Essas duas personas já estão em busca de um imóvel. O que acontece é que elas talvez ainda não conheçam a imobiliária e não saibam que vantagens a “X” oferece ou não conhecem sua área de atuação Vamos usar o blog imobiliário como canal.

Que conteúdos devemos comunicar no blog imobiliário

Pensamos em conteúdo que mostrem quem a “X Imóveis” é como imobiliária. Isso não quer dizer colocar a marca nas redes sociais (ainda que isso possa ser uma estratégia de comunicação a parte). Do ponto de vista do blog imobiliário, precisamos comunicar, através dos posts, características da empresa. Por exemplo: Mostrar qual a área de atuação. Isso pode acontecer através de posts sobre os bairros. “Qual o melhor bairro para se morar em Porto Alegre?”. “10 motivos para morar no bairro Nonoai em POA”. Mostrar que a “X” oferece facilidade na garantia locatícia. Aqui cabem posts sobre garantias, quais as mais fáceis, as mais difíceis, qual se adequa melhor a cada situação, etc. Outra ideia, considerando que a menina busca conforto, é fazer postagens sobre elementos de conforto em uma casa ou apartamento. Claro que isso só deve ser feito se você possui imóveis que ofereçam esses elementos.

Mas e se minha imobiliária não é parecida com a do exemplo?

Não importa o quão parecida com a “X Imóveis” seja com a sua imobiliária, você encontrará diferenças. Por isso é importante que você entenda a sua imobiliária e como ela funciona. Definir bem suas personas também é essencial. Entendo esses elementos, fica fácil definir quais conteúdos aplicar. Mais que conteúdos aplicar, é preciso entender como desenvolver esses conteúdos de forma envolvente e eficiente. Para saber como fazer isso, você pode ler nosso ebook sobre criação do blog imobiliário. criação-de-blog-imobiliário Nele você vai encontrar um exemplo prático de como escrever um texto para o seu blog imobiliário. Além disso, o e-book traz mais ideias de conteúdo para você abordar e explicações técnicas sobre produção de blog. Com o que falamos nesse post e o auxílio do nosso e-book você está mais do que pronto para começar seu blog imobiliário. Junte essas informações à dedicação e trabalho duro e você verá seus clientes e lucratividade aumentarem.

Relacionados