Dicas para ajudar a vender terrenos


Tempo de Leitura: 6 minutos
Além da venda e locação de casas, apartamentos, salas comerciais e condomínios, existe a negociação de terrenos, ou seja, uma área não construída. Deve ser difícil vender algo tão abstrato, né? É por isso que neste post vamos lhe mostrar as melhores dicas para você conseguir vender terrenos. Esse tipo de negociação é sempre um desafio. Portanto, cabe a você, corretor de imóveis, estar atento e informado sobre o que pode e o que não pode ser construído nos terrenos que se propõe a vender. O processo de vendas de um terreno possui diversas etapas a serem seguidas. Além disso, devido às leis de construção civil, é necessário passar por vários setores para tornar o terreno legalizado e em boas condições para venda. Como para todo imóvel, é imprescindível que o mesmo esteja limpo e bem cuidado. Caso contrário, é possível que poucos clientes vejam o potencial do seu terreno. Uma casa suja e lotada de móveis espalhados tem poucas chances de ser vendida, isso por que é difícil imaginar como ela seria se estivesse limpa. Por isso, mantenha o imóvel ou terreno sempre limpos. Na hora de vender terrenos, você, como corretor, precisa saber o seu público-alvo. Quem será que gostaria de comprar essa área? Encontra a resposta dessa pergunta e foque em prospectá-los. De acordo com Gustavo Feola, corretor especializado em terrenos, quem trabalha com venda de terrenos tem que ter paciência extrema, ter jogo de cintura e atender o cliente com excelência. Claro que também é preciso estudar sobre questões técnicas, zoneamentos, gabaritos e índices de construção. Estar muito atento ao mercado e aos valores dos terrenos é fundamental para você conseguir vender um terreno. Assim você sabe quanto seus concorrentes estão cobrando por um terreno parecido com o seu e pode se basear nisso. Agora vamos te dar mais algumas dicas para você vencer esse desafio. Veja o que você deve fazer para vender terrenos.

Dicas para vender terrenos

Conheça a área

Circule pela região onde situa a área, conheça o bairro e a vizinhança. Além disso, saber sobre o comércio e as acessibilidades que têm perto do terreno podem te ajudar muito na hora de oferecer o terreno ao seu cliente. Essas informações podem servir como um divisor de águas para os seus clientes. Muitas pessoas levam muito em consideração a vizinhança e o fácil acesso à farmácias, mercados, etc.

Boa relação com o cliente

Promova uma boa apresentação pessoal, estabeleça afinidades e mostre conhecimento e domínio de seu trabalho. Além de atender o seu cliente com excelência, você deve manter uma boa relação com ele. Esteja sempre disponível e ciente que esse é um grande investimento para ele. Por isso, deixe-o pensar e se ponha à disposição para ajudar e esclarecer qualquer dúvida.

Avalie a área

É recomendado avaliar o zoneamento da região, a largura da rua, se tem desapropriação a ser feita, entre outras coisas. Além disso, saiba o que pode ou não pode ser construído no terreno, se cabe construir um edifício nele, por exemplo. Não basta saber somente o tamanho do terreno e se ele tem terra fértil, por exemplo. O valor do terreno é dado baseado naquilo que pode ser feito nele. Por isso, saiba seus prós e contras antes de vender algo que não será bom para o seu cliente.

Compare com outros terrenos

Como já falamos, procure saber o preço de outros terrenos parecidos com o que você está vendendo. Assim, estabeleça comparações. Se você não sabe como avaliar, olhe outros terrenos e veja os aspectos avaliados para dar o preço ao seu.

Descubra o histórico do terreno

Pergunte ao proprietário como está a situação do inventário e quem são os herdeiros, por exemplo. Estar ciente das situações legais da área podem lhe privar de futuros problemas.

Organize uma prévia análise técnica

Faça uma análise técnica de zoneamento e diretrizes, checando informações sobre a possibilidade ou não de incorporação, a documentação básica (como capa de IPTU e matrícula). Além disso procure informações na prefeitura quanto à legislação local, normas de construção e assim por diante.

Prepare uma boa apresentação

Para vender terrenos, é sempre bom preparar boas apresentações. Essas apresentações devem conter informações dentro de um padrão formal e profissional, incluindo aspectos como imagens de um mapa com a localização geográfica via Google e demais detalhes que atraiam o interesse. Além disso, elas devem expor outras informações importantes que transmitam o máximo de dados técnicos e comerciais sobre a área. Lembre-se sempre de incluir características que os seus clientes gostariam de saber, como a vizinhança, por exemplo.

Divulgue

Assim como ter um boa apresentação, é importante investir na divulgação dos terrenos à venda. Você pode usar os meios tradicionais, como placas e anúncios em jornais, e agregar isso aos meios virtuais, como portais de imóveis e até mesmo redes sociais. Para facilitar o seu trabalho como corretor imobiliário, você pode utilizar um CRM como o da Jetimob. Com esse sistema, fica muito mais fácil gerir todos os seus imóveis  e anunciá-los em portais. Além disso, com uma lead page atualizada, você consegue agilizar suas vendas e manter-se conectado com seu cliente de forma mais frequente.

Tenha paciência

Tenha paciência. Como já falamos, comprar um terreno é um grande investimento para o seu cliente, por isso, dê tempo para que ele se decida. O processo natural de uma intermediação para vender um terreno envolve idas e vindas e muita paciência! Agora você já sabe o que você precisa fazer para vender terrenos, né? Curtiu as dicas? Esperamos ter contribuído para facilitar esse processo tão difícil. Leia no blog da Jetimob mais dicas e informações sobre o ramo imobiliário que todo corretor de imóveis deve saber!

Relacionados