Planejamento estratégico: conheça 6 passos para um futuro de produtividade


Tempo de Leitura: 7 minutos
Você sabe como realizar um planejamento estratégico dentro da sua imobiliária? Sabe como organizar estratégias para otimizar a sua venda de imóveis? Conhece bem a administração da sua empresa? “Se você não sabe para onde está indo, qualquer caminho serve”. Essa é uma frase que ilustra bem a importância de um planejamento para qualquer projeto em nossas vidas. Mesmo coisas mais simples precisam de metas, prazos e objetivos definidos. Caso contrário, acabam resultando em frustração. Sabemos que há momentos em que é preciso deixar fluir. C9ontudo, se tratando de objetivos de vendas e gestão de empresas, essas situações precisam ser mais controlados. Não é à toa que ⅓ das novas empresas fecham no Brasil, em última instância, por falta de planejamento (segundo o SEBRAE e a FGV). Em primeiro lugar, a essência do seu trabalho depende de muitas variáveis. Não pensar na organização e estratégia da sua imobiliária poderá gerar muitos prejuízos ao longo da vida profissional. Imóveis são produtos com um valor consideravelmente alto e você precisa estar ciente do seu propósito ao realizar as negociações.

O que é um planejamento estratégico?

Por muitas vezes somos confrontados com uma série de problemas que precisam ser resolvidos e, sem saber qual decisão tomar, acabamos sendo imprudentes e deixando as oportunidades passarem. Logo, ter um planejamento estratégico imobiliário para todos os colaboradores e indivíduos que trabalham na sua empresa é parte fundamental do sucesso do negócio. Quando falamos em planejamento estratégico, não é apenas ter visão, missão e valores escritos na parede da sala de reuniões. É importate pensar nos objetivos macro e nas metas de curto, médio e longo prazo. Além disso, é importante traçar ações para cada uma dessas metas, além de indicadores que validem se estas metas estão sendo alcançadas ou não. O planejamento estratégico consiste em prazos e ajustes constantes de gestão e, também, de motivação. Nesse sentido, um bom planejamento estratégico imobiliário não é diferente de qualquer outro negócio: deve ser feito e cobrado de todos. Isso mesmo considerando que o vínculo entre os corretores de imóveis e imobiliárias seja apenas de “parceria”. Aliás, parceria pressupõe que ambos trabalhem para o sucesso mútuo. É uma via de mão de mão dupla, portanto, todos estão à bordo desse barco e precisam remar para o mesmo lado.

Quais os passos para realizar um planejamento estratégico?

Voltando ao planejamento, você sabe para que serve um plano? Onde e como definir um bom planejamento estratégico, além de quais os passos para se fazer esta organização? Iremos conversar sobre esses tópicos a seguir.

Defina o objetivo macro

Em suma, o objetivo macro é aquela visão de longo prazo. É o que define todo o negócio. No caso de uma planejamento estratégico imobiliário, a pergunta que se deve fazer é: o que eu quero que a minha imobiliária se torne em 3 ou 5 anos? Quero que ela seja totalmente online? Tenha apenas produtos e serviços inovadores? Os melhores corretores trabalhando comigo? Quero aumentar minhas vendas e me tornar líder de mercado? Como muitas imobiliárias também possuem o serviço de locação, o objetivo pode ser dividido por setores – vendas e locação. O importante é ter uma visão mais abrangente de como você quer ser reconhecido no mercado. Após essa organização, será possível definir os objetivos menores, que devem ser mais específicos.

Defina os objetivos específicos

Bom, agora você já tem uma primeira visão de onde quer chegar. Agora ela precisa ser desmembrada em pequenos objetivos mensuráveis. Por exemplo, se você definiu como objetivo macro ser líder no mercado e região de atuação, será necessário colocar no planejamento estratégico imobiliário os objetivos específicos para atingir o objetivo geral (como ter um portfólio de x imóveis para venda, manter uma performance de vendas de x ou estar no topo do ranking de buscas do Google, etc.). Uma ótima ferramenta para definir essas metas é a metodologia SMART que, traduzindo para o português, significa (S)específico, (M)mensurável, (A)atingível, (R)relevante e (T)temporal. O que isso quer dizer? Que cada objetivo específico deve seguir e se enquadrar nesta lógica.

Defina as etapas de cada objetivo

De fato, cada objetivo específico será composto por etapas. É como desmembrar em vários pedaços menores, que irão compor o todo do planejamento estratégico e, por fim, formam a estratégia imobiliária.

Faça um diagnóstico do mercado

Para saber se seus objetivos estão alinhados com o mercado e as suas tendências, é importante que seja feita uma análise do mercado imobiliário. Uma boa estratégia deve levar em consideração seus principais concorrentes e o que eles fazem de diferente, as tendências do mercado imobiliário para os próximos anos, os fatores externos, como políticas do setor e também a economia. Além disso, é preciso, também, verificar as tendências tecnológicas disponíveis e as que estão previstas para o futuro. Tão importante quanto olhar para dentro da empresa é olhar para fora dela. De nada adianta metas bem definidas se elas não farão sentido a médio e longo prazo. Benchmarking imobiliario

Analise seus pontos fortes e fracos

Faça uma avaliação sincera dos seus pontos fortes e fracos. Precisa contratar mais gente para atingir suas metas? Investir mais em tecnologia? Melhorar o marketing? Você tem um ótimo atendimento reconhecido pelos clientes? O passo a passo para atingir as metas na sua estratégia imobiliária depende desta análise, principalmente porque alguns passos vão exigir investimento na área e processos que não são tão fortes no seu negócio.

Monitore sua estratégia imobiliária

Eu diria que este é o item principal de um planejamento estratégico. Horas e horas são gastas em reuniões para desenhar um plano de ação e, logo após, ele fica esquecido na gaveta, por falta de gestão. Nenhuma meta será concluída se não houver um monitoramento. Vamos usar um exemplo simples: imagine uma construtora fazer uma apresentação de um projeto lindo, com preço competitivo, mas que não monitora a execução da obra. Será que este projeto irá ficar pronto no prazo? Irá sair de acordo com o planejado? Pouco provável! Da mesma forma, se você não fizer a gestão do seu negócio perderá o controle da situação e não chegará onde pretende. Uma estratégia imobiliária bem definida coloca cada coisa em seu lugar. Além disso, ajuda o negócio a prosperar, facilitando o trabalho do gestor - que saberá exatamente o que deve ser feito. Ter um planejamento estratégico imobiliário é fundamental para navegar por essas águas turbulentas que andamos passando, com tantas mudanças e altos e baixos na economia do país. Quem estiver mais preparado, com a melhor estratégia imobiliária, é quem vai sobreviver.

Relacionados