As redes sociais aplicadas no marketing imobiliário podem virar máquinas valiosas de geração de leads. Elas fazem parte do dia a dia das pessoas e, se utilizadas de maneira estratégica, tornam-se um espaço importante para corretores e imobiliárias impulsionarem seus negócios.

Estar presente de maneira marcante e estabelecer uma presença online pode ser fator decisivo para chamar atenção de seus clientes. Hoje em dia, com tantas ferramentas disponíveis, você consegue analisar métricas e estatísticas sobre cada ação desenvolvida no ambiente digital.

Dessa forma, fica muito mais fácil medir o desempenho das campanhas promovidas pelo seu time de marketing e saber quais iniciativas funcionaram e quais precisam ser corrigidas.

Além disso, através das redes sociais você também terá condições de interagir com a sua audiência e entender melhor o comportamento do seu público. Tudo isso graças ao poder de segmentação que essas ferramentas oferecem, baseadas, por exemplo, em critérios como localização, idade, gênero e ocupação.

É fundamental compreender as características das redes sociais mais utilizadas no marketing imobiliário. Por isso, neste texto eu vou te ajudar a entender como o uso estratégico de cada uma dessas ferramentas pode alavancar as suas vendas.

Ebook Branding - Marketing Imobiliário

1. Facebook

Quando se trata de redes sociais para o marketing imobiliário, é impossível não citar a maior rede social do mundo. Fundado em 2004, o Facebook não apenas é uma ferramenta poderosa de venda de imóveis, como também é um ambiente primordial para nutrir o relacionamento com os seus clientes.

No Facebook é importante ter uma página informativa e funcional, que auxilie os clientes que chegarem até ela. Utilize esse espaço para consolidar o posicionamento e a identidade visual da sua marca.

Aproveite ao máximo todos os recursos que estão disponíveis no Facebook. Nele você pode anunciar imóveis na sua própria página, em grupos ou no marketplace. Também é possível publicar conteúdos nos mais diversos formatos e atrair novos clientes tanto por meio de mídia paga, quanto de maneira orgânica.

  • O Facebook é a rede social mais popular do mundo, com aproximadamente 2.7 bilhões de usuários ativos mensalmente;
  • 127 milhões de usuários ativos no Brasil;
  • 2º aplicativo mais utilizado do Brasil
  • 80 milhões de empresas usam o Facebook para negócios;
  • 44% dos usuários afirmam que seus comportamentos de compra são influenciados pelo Facebook.

2. Instagram

Mesmo com a possibilidade de usá-lo via desktop, o Instagram foi pensado, inicialmente, para uso exclusivo via mobile. Seu propósito é o compartilhamento de fotos e vídeos entre os usuários.

Fundado em 2010, o Instagram foi comprado pelo Facebook em 2012 e desde então a plataforma não para de crescer no mundo todo. Isso se deve principalmente às constantes atualizações que são feitas na ferramenta, com a adição de novas funcionalidades e recursos, como o Instagram Stories, o IGTV e o recente Reels.

Muitos corretores e imobiliárias já utilizam o Instagram como meio de se comunicar com seus clientes. Por ser mais visual, é um ótimo lugar para divulgar imagens e vídeos de seus imóveis.

Além disso, o Instagram não só possui ótimo engajamento, como também é uma forma de se comunicar com clientes mais jovens, que são a maioria dos usuários ativos na plataforma.

  • 1 bilhão de usuários ativos mensalmente ao redor do mundo;
  • 90% dos usuários seguem ao menos uma empresa no Instagram;
  • 500 milhões de pessoas utilizam o Instagram Stories diariamente;
  • Tem 58 vezes mais engajamento orgânico que o Facebook;
  • Em média, os usuários do Instagram passam 53 minutos por dia na plataforma;
  • 80% dos usuários interagem com pelo menos uma marca diariamente;
  • O Brasil é o segundo país com o maior número de usuários ativos mensalmente na plataforma, com aproximadamente 77 milhões;
  • 4º aplicativo mais usado no Brasil.

3. Whatsapp e Whatsapp Business

O Whatsapp é, atualmente, uma das principais redes sociais do marketing imobiliário, se não for a principal. É um ótimo meio para conversar com seus clientes, especialmente durante o processo de venda. É um canal direto e fácil de contato que, por sua praticidade, vem substituindo os telefonemas.

Assim como o Instagram, o Whatsapp também foi comprado pelo Facebook, em 2016 por incríveis 16 bilhões de dólares. E claro, não demorou muito para que as atualizações aparecessem, trazendo uma série de novidades que com certeza farão a diferença no seu negócio.

A primeira delas é o Whatsapp Business, que permite a criação de um perfil comercial com uma série de recursos exclusivos. Você poderá enviar as ofertas de imóveis diretamente para os celulares dos seus clientes, criar chatbots para atender situações de alta demanda e acompanhar estatísticas sobre o desempenho das mensagens enviadas.

  • 2 bilhões de usuários no mundo inteiro;
  • Mais de 120 milhões de usuários ativos no Brasil;
  • Está presente em 99% dos smartphones no Brasil;
  • Whatsapp Business já possui 5 milhões de empresas cadastradas.

4. Linkedin

O Linkedin é a maior rede social profissional do mundo. Por esse motivo é ideal para os corretores de imóveis construírem conexões profissionais e para as imobiliárias fortalecerem o seu posicionamento online.

No Linkedin você dificilmente vai encontrar um vídeo de comédia, de gatinhos, ou de futebol. Quem faz parte dessa rede social, está lá para tratar de negócios.

Por esse motivo ele é o ambiente perfeito para encontrar clientes realmente interessados em conhecer melhor os valores da sua marca, como também para encontrar possíveis funcionários que possam vir a trabalhar para a sua imobiliária no futuro.

  • 260 milhões de usuários ativos mensalmente;
  • 277% mais eficaz na geração de leads que o Facebook;
  • 41 milhões de usuários ativos no Brasil.

5. Twitter

Esta rede propõe a comunicação por mensagens curtas, de até 280 caracteres. Esse limite de conteúdo nas publicações faz do Twitter um ótimo local para se informar rapidamente sobre os principais assuntos do momento.

Apesar de ter milhões de usuários ativos no Brasil, o Twitter ainda é uma rede social pouco explorada no marketing imobiliário. Por esse motivo, se utilizado da maneira correta, pode te dar uma boa vantagem em relação aos seus concorrentes.

O Twitter não é o melhor local para colocar um catálogo de anúncio de imóveis, entretanto, se a sua imobiliária possui um blog, um podcast ou um canal no Youtube, lá é o espaço perfeito para você divulgar a sua produção de conteúdo.

  • 326 milhões de usuários no mundo;
  • 83% dos usuários acessam através do celular;
  • 500 milhões de tweets enviados diariamente;
  • O Brasil é o 4º país com maior número de usuários ativos na plataforma, com aproximadamente 15.7 milhões;
  • Rede social mais utilizada para ver notícias;
  • Tweets com imagens conseguem 150% mais retweets.

Ebook Posicionamento Online - Marketing Imobiliário

Redes sociais para alavancar o marketing imobiliário

Apenas criar perfis nas redes sociais por serem as mais utilizadas no momento, ou porque você tem mais familiaridade, não significa que trará resultados positivos.

O uso indiscriminado dessas ferramentas pode acabar prejudicando os objetivos do seu negócio. Dessa forma, é preciso considerar qual rede social melhor entra em contato com seu público alvo ou faz mais sentido na sua área/região.

Ademais, é sempre importante alinhar o uso das redes sociais de forma estratégica no marketing imobiliário. Nem todas deverão exercer a mesma tarefa.

Em qual delas a sua marca terá um maior alcance e visibilidade? Onde é melhor para divulgar fotos e vídeos dos imóveis? Se o intuito for o contato direto com o cliente, qual utilizar? Essas são algumas das perguntas que te ajudarão a definir qual estratégia mais se alinha às características de cada uma dessas plataformas.

Referências

[Total: 1   Average: 4/5]